Notícia

13 de Setembro, 2017

Missa do Santíssimo no Santuário do Rocio atrai o povo para um encontro com Deus

Os missionários redentoristas falam sobre como Jesus na Eucaristia marca o carisma da sua congregação

O ano era 2004, o Papa João Paulo II instituiu o Ano da Eucaristia, iniciado em 10 de outubro com o Congresso Eucarístico Internacional, em Guadalajara (México), indo até o sínodo dos bispos no ano seguinte.

Em Paranaguá, o bispo da Diocese, Dom Alfredo Novak, reconhecendo a Eucaristia como um dos elementos fortes da espiritualidade redentorista, pediu aos missionários da congregação, responsáveis pelo Santuário de Nossa Senhora do Rocio, para que promovessem ali a adoração do Santíssimo Sacramento. Esta foi a maneira de Dom Novak fazer com que, aquele ano especial, produzisse frutos concretos e permanentes da adoração de Jesus Eucarístico na sua Diocese.

Os redentoristas do Santuário reservaram para esta adoração a missa das quintas-feiras, porque tradicionalmente remete à Santa Ceia onde Jesus Cristo instituiu a Eucaristia. Assim, nestes últimos 13 anos, os momentos fortes de adoração e a participação grandiosa do povo tornou necessária a realização de duas missas, uma às 18h e a outra às 20 h, no Rocio.

Desde seu início estas celebrações são marcadas pelo testemunho de muitas graças alcançadas, sendo que os fiéis atribuem estas bênçãos recebidas pela participação efetiva na Missa do Santíssimo. Ouve-se contar da cura de doenças graves, reconciliação e paz na família, abandono de vícios, obtenção de emprego e vários outros testemunhos.

Segundo o Padre Joaquim Parron, que preside estas missas atualmente, a adoração do Senhor Jesus presente na Santíssima Eucaristia valoriza a Celebração Eucarística. “Podemos evangelizar com as pregações e os testemunhos e promover a solidariedade entre as pessoas quando uns rezam pelos outros. Essa missa com adoração do Santíssimo tem ajudado os fiéis a crescer na fé e a fortalecer o compromisso a Igreja e a religião”, afirma Padre Parron.

Para João Geraldo o seu retorno foi devido a uma missa do Santíssimo que participou. “A partir daí nunca mais fiquei afastado da minha comunidade, às quintas venho na missa do Santíssimo e nos fins de semana participo na igreja perto de casa”, conta. Já Magali Fritz afirma que encontrou a si mesma na Missa do Santíssimo. “Ao fazer o pedido fervoroso para receber a graça da saúde, pude encontrar um coração cheio de fé e um pensamento ligado a Deus dentro de mim”, explica a devota.

O missionário redentorista, Irmão Jorge Tarachuque, também trabalha a serviço do Santuário. Ele sente-se fortalecido com o testemunho de fé dos fiéis que participam das missas nas quintas-feiras. “Nascido aqui na cidade, sinto uma grande alegria em ver neste lugar as pessoas crescendo na fé e recebendo graças especiais com a missa do Santíssimo”, diz Irmão Jorge. 

Irmão Jorge conta que o fundador dos redentoristas, Santo Afonso de Ligório, escreveu que os congregados devem levar o povo a uma forte experiência na participação das missas e também na adoração. “Santo Afonso, inclusive, escreveu o livro: Visita ao Santíssimo Sacramento, que já foi publicado em mais de 70 línguas”, comenta o missionário.

Sobre este ponto, assim se expressou João Paulo II em sua Exortação Apostólica, Sacramentum Caritatis, n. 66: “De fato, na Eucaristia, o Filho de Deus vem ao nosso encontro e deseja unir-Se conosco; a adoração eucarística é apenas o prolongamento visível da celebração eucarística, a qual, em si mesma, é o maior ato de adoração da Igreja”.

Já o Papa Francisco tem destacado o valor da adoração do Santíssimo Sacramento em suas declarações. O Papa diz também que devemos “colher a essência da ação evangelizadora: dar atenção às pessoas e levá-las ao encontro com Deus”.

Com tantos elementos de espiritualidade, testemunhos de fé e aproximação da comunidade, os missionários redentoristas do Santuário do Rocio fazem em conjunto o convite para todos participarem das missas do Santíssimo Sacramento. “Venham, estamos prontos para acolher o povo de Deus e espalhar a alegria do evangelho”, completam o Irmão Tarachuque e o Padre Parron.

Serviço:

Missa com a bênção do Santíssimo Sacramento

Todas às quintas-feiras às 18h e 20h

Santuário Estadual de Nsra do Rocio

Praça da Fé, Bairro do Rocio

Fone: 3423-2020

Acompanhe pelo site www.santuariodorocio.com.br e pelo facebook: santuário.nsradorocio

Inscreva-se como voluntário nas Pastorais do Santuário”

Por: Giolete Babinski

Missa do Santíssimo Sacramento