top of page

Atividades da Pastoral do Batismo movimentam santuário

Celebração do sacramento e formação reuniram fiéis e agentes de pastorais


Um dos sacramentos da Iniciação à Vida Cristã é o Batismo. Este é consideração como a Porta de Entrada na Igreja e na comunidade de Cristo. No último dia 11, o santuário recebeu fiéis para a celebração do rito batismal e também a formação para pais e padrinhos os quais se preparam para o tão esperado dia dedicado a filhos e filhas.



Pela manhã, oito crianças receberam o sacramento do batismo. Padre Dirson Gonçalves, CSsR presidiu a celebração e durante o rito explicou cada momento o qual seria feito. Pais e padrinhos fizeram o sinal da cruz com as crianças, escutaram atentamente ao Santo Evangelho, presenciaram a unção com o óleo santo, foram até a pia batismal e também levaram, através dos padrinhos, a luz de Cristo.


Eli e Jhennifer Julião levaram a filha, Ellora Flor, para o batizado. Um momento de forte emoção onde repassam sua fé. “Isso é da convivência da família dentro da comunidade, na Igreja Católica, onde a gente foi criado. Começar do jeito certo”, afirma o pai da criança. Para a mãe, é um momento de dedicar muitas bençãos para a filha. “Sentimento de emoção, de felicidade. Muita saúde, muita felicidade pra ela. A gente crê em Nossa Senhora do Rocio e queremos passar isso para ela”, comenta.





As atividades da pastoral do Batismo também seguiram pela tarde do sábado (11). Aproximadamente 100 pessoas, entre pais e padrinhos estiveram presentes para a formação em preparação para a celebração do batismo. Segundo Nailde Soares, agente da pastoral do Batismo, o curso é válido por dois anos. A taxa é de apenas R$ 10 e ocorre no segundo sábado de cada mês. O santuário já está recebendo novas inscrições. “Já pode fazer a inscrição. Quem faz o curso recebe uma carteirinha e já pode ir na secretaria e já marcar o batizado para o próximo mês”, comenta.



Ananda Vitória será madrinha e está bem consciente sobre a importância da formação para pais e padrinhos. Para ela a participação nessas atividades é um grande testemunho de fé para as crianças as quais estão inseridas na caminhada da Igreja. “Acredito que para o papel do padrinho e da madrinha isso é muito importante, trazer as nossas crianças para a religião. Sempre fiz parte da Igreja desde criança, então acho que essa é a importância”, afirma.


141 visualizações0 comentário
bottom of page