top of page

Dom Sergio Brashi, Bispo de Ponta Grossa, celebra missa dos romeiros no Santuário do Rocio

Atualizado: 17 de jul. de 2023

A manhã deste domingo (16) foi especial no Santuário Estadual de Nossa Senhora do Rocio. O bispo da Diocese de Ponta Grossa, Dom Sergio Arthur Brashi, presidiu a Santa Missa das 11h, junto a aproximadamente 277 romeiros e 25 padres diocesanos do Paraná, que participaram da celebração das 9h.


Padres diocesanos do Paraná participam da Santa Missa das 9h

Durante a homilia, Dom Sergio destacou a sua devoção à Maria, especialmente sobre o título de Nossa Senhora do Carmo, cuja festa é celebrada neste domingo, e Nossa Senhora do Rocio, a qual acompanha desde criança. "A primeira vez que eu estivesse aqui, eu tinha cinco anos de idade. A minha paróquia em Curitiba, onde eu morava com os meus pais, veio em romaria. Aquele tempo ainda era só pela Estrada da Graciosa, então tinha neblina, serração, e nós todos vínhamos rezando o terço. E quando chegávamos aqui no santuário era uma grande felicidade ver a nossa Rainha do Paraná, Senhora do Rocio", contou. Dom Sergio destacou ainda que a devoção a Nossa Senhora do Rocio é uma herança de família.


Também neste domingo, Brashi completa 20 anos como Bispo da Diocese de Ponta Grossa e escolheu o Santuário do Rocio para celebrar a data especial. "Eu completei em abril 25 anos como bispo e no último sábado, dia 8 de julho, eu completei 50 anos de padre. Vim celebrar tudo isso aqui, agradecer a proteção da Mãe do Rocio".


Dom Sergio Brashi participa de procissão com o manto de Nossa Senhora do Rocio na Praça da Fé

A romaria das paróquias de Ponta Grossa-PR para o Santuário da Padroeira do Paraná são tradicionais e acontecem anualmente, sempre com um número expressivo de devotos que buscam a casa da Mãe do Divino Orvalho para agradecer por bênçãos alcançadas ou para pedir a intercessão de Maria Santíssima. Este ano, estiveram presentes as paróquias Imaculada Conceição, Nossa Senhora de Fátima, Nossa Senhora do Pilar, Senhor Menino Deus, Santa Terezinha e São Judas Tadeu.


"Uma vez por ano a nossa romaria da Diocese de Ponta Grossa vem para Paranaguá. São 17 paróquias na região, então tem algumas que todos os anos estão presentes aqui", disse Dom Sergio.


Romeiros, padres e o bispo participaram da procissão com o andor e manto da Padroeira do Paraná, que carrega o nome de todos os devotos que fazem parte da Campanha Filhos da Senhora do Rocio, na Praça da Fé. Ao final da peregrinação, os fieis foram aspergidos com água benta e retornaram para o santuário, para acompanhar a celebração presidida por Brashi.



De acordo com a coordenadora de romarias do santuário, Adriana de Carvalho, a peregrinação foi programada com pelo menos quatro meses de antecedência, sendo possível, o romeiro desfrutar a parte religiosa do santuário e, posteriormente, conhecer a Baia de Paranaguá em um passeio de barco.






87 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page